O mito do trem alemao

Gente, escrevo sem acentuação (às vezes) porque estou num computador com teclado “alemão” e às vezes o auto-corretor não funciona. Keep calm and carry on.

Tem coisas que o destino ofereceu pra voce, aproveite. E tem outras que… nao. Bem. Comigo o serviço ferroviário é praticamente um mito de Cinderella, mais elusivo que príncipe encantado.

Para voce que acha que viver na Europa é uma maravilha do transporte público… hmmm… olha, depende, viu. Claro, se voce for comparar a infra-estrutura pau-a-pau com uma cidade do Brasil, não tem nem graça. Tipo assim, uma cidade pequena contra uma cidade pequena? Não, né. Pelo menos aqui na Alemanha na maioria das vezes voce está a meia hora de qualquer hospital decente, escola, supermercado… e até cinema! (Mas aí só em alemão, tá?)

E também não dá pra comparar uma cidade “grande” na Alemanha, que tem milhares de linhas de metro e regional, ônibus e tudo o mais, até alta madrugada. Assim não vale.

Entao vamos ser injustos porque dá mais caldo, e comparar uma cidade legal ou meio-legal, ou pelo menos com infra-estrutura no Brasil, com uma cidade pequena aqui na Alemanha.

Moro num bairro afastado de uma cidade pequena-média. Onde moro passa um microônibus, 2x de manha e depois nunca vi, e que vai até o centro do vilarejo onde voce pode pegar outros ônibus…

Para pegar outros ônibus tem que descer e subir uma ladeira de uns 15 min se voce tá em forma, senao demora 30. A estação de trem está a uns 5 km e é claro que nesse frio e se voce trabalha voce não vai tra-lá-lá-lá andando, voce vai de ônibus, ou de taxi, ou de carro, e daí deixa seu carro lá,  senao não dá tempo.

E aí que voce compra suas passagens de trem e se acha uma cidada do mundo, cosmopolita e ecológica. Voce está indo visitar seu namorado que mora do outro lado da Alemanha, numa outra cidade ainda menor e sem boas conexões ferroviárias, rodoviárias ou aéreas, que é pra deixar a vida mais empolgante e cheia de desafios, senao a gente deprime porque tá tudo fácil demais.

Voce está feliz e faceira na estacao (ninguém me pergunte porque o computador às vezes corrige em espanhol, às vezes em português, não importa, não vou parar de escrever esse post nem por decreto, até publicar com erro e tudo), chegou cedo, e está tentando abrir o app da Deutsch Bahn, que não está te dizendo nada que voce consiga entender. Bem que voce deveria ter investido seu tempo pra aprender alemão direito, mas voce trabalhou muitas horas extras, ficou de conversa no flat rate, no Skype, no Facebook, e agora voce paga por isso. Ok. Sem problemas, voce dá uma orelhada nas conversas alheias (porque um pouco de alemão voce aprendeu, afinal) e entende que tem um trem, que deveria ir pra Colonia, que provavelmente é o seu, que vai atrasar 20 min.

Peraí. Sua conexão em Colonia para o fim do mundo, quero dizer, sul da Alemanha, tem uma janela de 15 min… quer dizer…

Devo ter entendido errado. Com meu alemão tarzanico vou me certificar de um impending doom.

O menino faz das tripas coração para me entender e explicar que, realmente, o trem que vai atrasar é aquele que eu ia pegar mesmo. Para deixar as coisas ainda mais agradáveis, percebemos que temos o mesmo app, mas o dele mostra outras informações, outras telas. Mudo minha configuração para alemão (a malaca tinha posto em ingles), mas… não adianta nada, continua diferente.

Nestas horas voce tem que acreditar em Deus, porque é um excelente momento para se fazer de vítima e clamar: Meu Deus, o que há de errado comigooooo??? Por que comigo a internet não funciona, os aplicativos não funcionam, e o trem atrasa…???? Naaaaaooo…

Resumo da ópera: perdi a conexao.

Mas isso foi só pra dizer: experimenta depender desse trem maligno. Ele custa caro. Ele atrasa e te deixa na mao. Ele pára 3 minutos na estação, pra não dar tempo nem de perguntar se é aquele trem mesmo, pronto, perdeu, mana. E ainda por cima, quando o trem é regional ele tem nomes diferentes, então voce compra o ticket com um número e na hora que o trem chega ele tem outro número, pra confundir turistas e desavisados. Se voce entrar e for o seu, ótimo. Se não for, e a fiscalização te pegar, amigo, voce corre o risco de ficar 60 euros mais pobre porque vai ser multado (deveria ter aprendido alemão direito pra poder discutir, tá) e ainda promoveu a má fama dos seus conterrâneos na Alemanha.

Mas, como eu não queria dirigir 500 km de carro pra ir e 500 pra voltar num fim-de-semana, decidi tentar de novo. Comprar um ticket pra daqui a 2 semanas.

Menino… 300 euros. Mais caro que ir de avião pra fora da Alemanha. Se voce não comprar com 3 meses de antecedência, o preço é esse. Com antecedência, fica uns 120-150 euros. Ba-ra-ti-nho.

Vou de carro. E odeio trem. Para os que tem um relacionamento feliz e saudável com a Deutsch Bahn, fica a minha inveja. Quem sabe um dia consiga planejar religiosamente e constantemente todos os meus passos com 3 meses de antecedência. Por enquanto, vou deixando meus rastros de carbono pelo mundo…

 

 

Advertisements

Leave a comment

Filed under Alemania

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s